Jataí, Quarta, 21 de Novembro de 2018
Google
   
Notícias
Capa
Cidade
Região
Cultura
Campo
Educação
Esportes
Entrevista
Nacional
Mundo
Últimas Notícias
Política
 
Canais
Acontece
Cinema
Informe Publicitário
Jurídica
Saúde
Policial
Serviços
Tudo
Infantil
 
Classificados
Imóveis
Emprego
Negócios
Veículos
 
Untitled Document > Saúde
Data: 19/10/2018
Saúde bucal deve ser incentivada na infância
Pais e professores devem ter hábitos saudáveis e ser exemplo para as crianças.

Apaixonadas por doces e guloseimas as crianças são as que mais apresentam facilidade para contrair cárie e outros problemas dentários. Falar com os pequenos sobre os cuidados que precisamos ter com a nossa saúde bucal, além de promover hábitos saudáveis também ajuda no desenvolvimento da educação odontológica.

Ensinar as crianças a cuidarem dos seus dentes é um investimento que trará benefícios para o resto da vida. Você se preocupa em ensinar esses cuidados para seus filhos? Sabe como a escola dele trabalha com a educação bucal? A prevenção é o melhor caminho e quanto mais eles ouvirem falar sobre esse assunto, melhor.

Com atividades lúdicas e em grupo as escolas já conseguem mudar o comportamento dos alunos e fazer da escovação um hábito prazeroso. É dessa forma que a Creche Escola Estação Infância cuida da saúde dos dentes dos seus alunos. Na instituição, os professores são os responsáveis por criar métodos e atividades que desenvolvam os cuidados com a higiene bucal entre as crianças. “Não existe uma forma única de se trabalhar esse assunto, vai depender muito de cada turminha”, explicou a coordenação da instituição.

A escovação depois de todas as refeições é uma regra dentro da escola e até os bebês que ficam no berçário já passam por esse processo. “As funcionárias dos berçários são preparadas para limpar os dentinhos e as gengivas após cada alimentação”, acrescenta. A coordenação da Estação Infância considera importante trabalhar esse assunto, mas informou que os pais precisam estar em sintonia com a escola. “Ensinamos tudo que é preciso para elas mas os pais precisam continuar com o incentivo e o exemplo”, informou.

O Centro Universitário do Distrito Federal (UDF) incentiva a saúde bucal em todas as idades. Desde 2016, quando a Clínica Escola de Odontologia da UDF foi aberta, a universidade oferece atendimento odontológico gratuito para a sociedade. Para conseguir atendimento é muito simples, o candidato ao tratamento deve procurar a clínica, participar de uma triagem para entrar na lista de espera para ser chamado para o atendimento, conforme sua necessidade e disponibilidade de vagas.

Segundo Emílio Barbosa, coordenador do curso de Odontologia da UDF, em média, são realizados 60 atendimentos por dia. “A procura é grande devido à dedicação dos alunos, equipamentos novos, modernos e devido ao custo baixo ou gratuidade dos atendimentos”. A triagem na clínica é realizada às quintas e sextas-feiras, das 14 às 16h, por ordem de chegada. “O atendimento é realizado pelos próprios estudantes e a maioria procedimentos são gratuitos, exceto as próteses”, assegurou.

A saúde começa pela boca. Foi com essa frase que o especialista destaca a importância de cuidarmos da saúde bucal. “A nossa boca é a porta de entrada e saída de vários elementos, desde os alimentos que ingerimos até a comunicação e expressão que fazemos com esta parte do corpo. Além disso, a prevenção e o tratamento de doenças que acometem a boca irão refletir em uma boa saúde geral do indivíduo, pois muitas doenças podem ser evitadas ou controladas com uma adequada higiene oral e visitas regulares ao cirurgião-dentista”, concluiu.

Fonte: Bárbara Maria
Ascom Educa Mais Brasil

Comente

Nenhum coment�rio cadastrado para esta not�cia
Resolução: 800x600 Anuncie Copyright 2018 Jornal da Cidade Todos os direitos reservados - Visitas: 4236682